sábado, 17 de setembro de 2011

O amor não bate à porta



A palavra amor é curta em letras, porém infinita em significados e imensa nas fantasias e sonhos que evoca da alma de qualquer pessoa que esteja em seu são juízo. Ninguém deixa de pensar no amor, até mesmo os cépticos, que afirmam não acreditar no amor, precisam dele para convencer-se de que não existe algo assim para os seres humanos.
Por que será que o amor, que inspira poetas e também alavanca a realização de obras grandiosas, é fugidio ao ponto de ninguém poder afirmar com plena certeza tê-lo encontrado? Ou se o encontrou, tê-lo preservado também? E se o perdeu, por que o perdeu?
Eu, particularmente, pela experiência vivida, não posso dizer tampouco que o encontrei, mas posso dizer aonde ele, com certeza, não está. Assim como milhares de outros seres humanos, me acostumei, quando adolescente, que o amor chegaria até mim como um presente, uma dádiva que me era merecida. Dessa forma entrei naquela sala de espera existencial, aguardando que alguém entoasse meu nome, para só então eu me converter no felizardo que deixaria para trás todas as outras pessoas, que continuariam esperando.
Logo descobri que o amor não é uma espera, pois quem o espera consegue isso: ficar esperando, se iludindo, e então, tudo ficará bem para sempre. O amor chama sim, e inclusive chama para que termine a espera, pois dá a pista que ele só pode acontecer com quem o fizer acontecer.
Ou seja, para se receber um pouco de amor, há de se dar o mesmo tanto de amor. É como diz a última frase musical, da última trilha do álbum branco dos Beatles: "and in the end, the love you take, is equal to the love you make." Traduzindo: no fim, o amor que você pega, é igual ao amor que você faz.
Você quer uma tradução mais clara? Se você quiser colher amor, você terá de se transformar numa pessoa amável, alguém que mereça ser amado. E só merece ser amada a pessoa que ame intensamente.
Pois é, o amor nunca será encontrado esperando, mas praticando-o. Você que está aí esperando amor, lamentando-se porque ele não bate na tua porta, se a tua busca é verdadeira e digna, você vai ter de tomar a iniciativa e amar a despeito de ser amado, fazer o amor acontecer. O amor acontecerá porque você o pratica, e não porque você o espera. E para que continue acontecendo, você terá de preservar-se nessa atitude, pois quando o deixares de praticar, ele desaparecerá.

8 comentários:

  1. Que lindo Daniele, muito verdadeiro pois aquele que semeia pouco, pouco também colherá. Aquele que semeia com fartura, com abundância colherá.

    Sempre voltará para nós o que damos aos outros.
    Bjus flor, e tenha um ótimo domingo!!!

    ResponderExcluir
  2. Adoro seus textos
    Deixei um selinho lá no meu blog para ti

    http://janarhein.blogspot.com/

    Beijoos

    ResponderExcluir
  3. To passando para pedir uma ajudinha passar aqui: http://theattitudeincluded.blogspot.com/2011/09/votacoes-concurso-blog-vs-blog-2.html é votar em "dreamer", tem também lá link de outrso blogs menina má... sera a soma de todos os votos se puder votar em todos agraderei muito, mas votando em um também estarei já feliz!bom pedindo desculpas por qualquer coisa, mas bem, se puder dar uma força ficaria muito grata!
    Deus abençoe

    ResponderExcluir
  4. Eu adoro me perder no amor... sem medo, sem resistência. Sem temer o que virá depois... Só assim a vida tem plenitude.

    Lindo post...

    Bjo e boa semana!!

    ResponderExcluir
  5. Olá, vim aqui agradecer sua
    visitinha no meu blog passei um bom tempo
    sem entrar, me desculpa a demora!
    Obrigada pelo carinho!
    Beijos e fique com Deus*

    ResponderExcluir
  6. Logo na primeira frase já dá pra notar a intensidade desse texto, amar é realmente algo infinito, lindo e encantador!

    Tem selinho pra vc no blog!
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Belo texto, como vc mesma mencionou na primeira linha, A palavra amor é curta em letras, porém infinita em significados... motivos de explicação de muitos poetas e apaixonados... mas o bom mesmo é amar com intensidade, é ir de encontro ao amor, é sentir, é ferir-se, é amando que se é amado...
    o amor ele precisa ser conquistado, pode até ser conquistado na espera, é muito mais atraente...
    eu amo, sou movido ao amor e assim até um dia realmente o amor bateu a minha porta... Olá, vc está ai... sim eu estou, então abre a porta, porque tenho uma surpresa... foi um amor conquistado, esperado com paciência no momento certo para definir, sorrir...amar...

    Amei seu blog, e vou ficando, amei o jeito gostoso que vc trata as palavras.

    Abraços
    Giovanna

    ResponderExcluir
  8. O Blog "Pieces Of Me'
    chegou aos seus 400 seguidores,
    e tem o prazer de te prestigiar com
    um selinho lindo!!

    Beijos,
    e obrigada pela presença no meu cantinho..

    o selinho esta no link :http://momentosdapathy.blogspot.com/2011/11/400-seguidores.html

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário e Volte Sempre!
By: Daniele Nascimento
Beijos ♥